Quer receber conteúdo exclusivo GRÁTIS?

Parabéns! Você agora faz parte da nossa VIP.

A vitrine que VENDE!

Que a vitrine é um dos principais elementos de venda dentro de uma loja, todos nós já sabemos. Responsável por cerca de 70% das vendas, a vitrine é um vendedor silencioso que de silencioso não deve ter absolutamente nada. A vitrine precisa "gritar", no melhor sentido da palavra.

Fazer com que as pessoas parem, que observem a vitrine e que entrem na loja, requer estudo, foco no objetivo final e, principalmente conhecimento acerca do comportamento do público a quem a vitrine irá se dirigir.

Conceito de vitrine

Superficialmente entendemos como vitrine aquele espaço normalmente a frente da loja reservado para exposição mais elaborada do produto. No entanto, hoje podemos dizer que cada espaço de parede, cada metro quadrado dentro de uma loja onde caiba uma exposição organizada de mercadorias, cuja finalidade seja a venda, pode ser chamado de vitrine.

dicas de vitrine

Toda vitrine - e/ou exposição de produto deve ter como objetivo vender um produto

ou um conceito. Não se expõe produtos por expor, deve-se pensar em cada elemento que venha a contribuir para a venda.

O despertar do desejo e a criação da necessidade pelo produto

É muito importante entendermos que, para que uma vitrine funcione, é necessário que desperte e/ou crie uma ilusão de desejo ou necessidade para com o produto. Através da exposição, vamos dizer a que público aquele determinado produto se destina - criar uma realidade de uso apontando para o consumidor o porquê da necessidade por aquele produto.

dicas de vitrine

Mesmo que de forma inconsciente, é a vitrine quem é responsável por projetar no consumidor o desejo e a necessidade pelo produto.

Persuasão. Convencer o consumidor de que ele precisa daquele produto. A marca, na maioria das vezes, funciona como aliada nesse processo.

A vitrine convida os clientes a entrar na loja

Depois de criar no consumidor o desejo pelo produto e automaticamente a criação de uma necessidade que venha a justificar a compra, a vitrine é responsável por colocar o cliente para dentro da loja.

Observe a sua vitrine. Cada produto, cada ponto de luz, os expositores, as cores, o estado geral da vitrine. Atente para cada detalhe e responda: sua vitrine convida os clientes para entrar na loja ?

E as suas vitrines internas, exposições de solo, paredes da loja, araras ? Estão convidando seus clientes a tocar nos produtos, criam uma necessidade e despertam desejo? Você compraria os produtos aos quais observa?

Se umas dessas respostas for não, ou se em mais de uma houver pouca certeza, é sinal de que suas vitrines precisam de um cuidado mais especial.

Vitrines precisam de renovação constante

Assim como a vitrine, cada espaço dentro da loja necessita renovação constante, parecer novo, variar a decoração e a exposição dos produtos, variar a posição dos manequins, os móveis podem ser mudados de lugar e displays nunca devem permancer tempo demais no mesmo lugar.

Mesmo que não possua de fato nenhuma grande novidade,a loja deve passar para o consumidor a ideia de que está sempre se renovando, despertar a sensação de novidade e curiosidade em cada espaço.

Vitrine: um vendedor permanente

dicas de vitrine

Em média, a vitrine é responsável por até 70% das vendas da loja. É não apenas o cartão de visitas da loja, apresentando um resumo do que o cliente irá encontrar na loja - tanto com relação aos produtos como com o conceito da loja e suas prioridades e relação com o consumidor - mas é também um vendedor permanente capaz de vender até mesmo mercadorias que não estejam tendo o giro esperado.

VITRINE CERTA É VITRINE QUE VENDE.

E a errada é a que não vende. Simples assim!

A vitrine transmite seus conceitos por meio da própria disposição dos produtos, comunicando o padrão de atendimento utilizado no local, a história dos produtos que vende ou mesmo a história do próprio estabelecimento.

O consumidor desejado - para quem a vitrine foi pensada - se identificará com os produtos expostos na vitrine, receberá informações sobre a tendência da moda, sobre as novas tecnologias, as características dos produtos e como esses poderão ser aproveitados. Tudo isso através da observação. Por isso a vitrine deve usar uma linguagem clara para com o consumidor.

A vitrine é ainda um elo entre o lojista e o consumidor, pois é através da maneira como o lojista apresenta sua vitrine, que o consumidor tirará as primeiras impressões a cerca da loja e fará sua decisão, de tornar-se um cliente - ou não.

dicas de vitrine

#dicasdevitrine #vitrine #vitrinismo #dicasdevm #vitrinequevende #comportamentodeconsumo #consumidor #conceitodevitrine #criatividade

Você poderá gostar também de: