Quer receber conteúdo exclusivo GRÁTIS?

Parabéns! Você agora faz parte da nossa VIP.

Porque o chão da vitrine não é o melhor lugar para expor produtos

Uma coisa que sempre digo é, cada espaço dentro de uma loja, por menor que seja, deve atuar como um vendedor e servir para que produtos sejam expostos. A única excessão a essa regra é, sem dúvida, o chão da vitrine.

A explicação é bem lógica.

Pense comigo: a vitrine tem a função de fazer com que o cliente se imagine utilizando o produto, cria um ambiente imaginário trazendo o cliente para dentro daquele mundo e se sentindo fazendo parte: é isso que faz com que ele compre!

Veja mais sobre comportamento de consumo aqui!

Manequins tentam representar a forma de ser - ou o desejo de ser, dos consumidores, e campanhas de moda propõe um estilo de vida previamente pensado para atingir o público certo.

Fazer o cliente se identificar com aquela "realidade" proposta pela vitrine. Esse é o objetivo.

Mas o que isso tem a ver com colocar os produtos no chão da vitrine?

expor_produtos_no_chão_da_vitrine_5.jpg

Simples. Quando o cliente faz essa ligação - na maioria das vezes inconscientemente - da sua própria vida com a que está sendo proposto pela vitrine, ele relaciona a maneira como ele mesmo utiliza os produtos com como o produto está sendo apresentado na vitrine.

E como as pessoas utilizam os produtos no seu cotidiano?

Com excessão de tapetes, decoração e alguns outros poucos segmentos de produto, não há muita coisa que as pessoas, no seu dia a dia utilizem diretamente no chão! E por isso, não conseguem se projetar utilizando aquele determinado produto.

Pense em roupas.

Você coloca duas roupas dobradas, fazendo um degradê de cor, no chão da sala ao lado de um poltrona?

Talvez você até faça isso, mas não é o que 99,99% da população faz. E também, provavelmente não é o que o seu cliente faz.

Indo para outros segmentos. artigos de cama e banho, por exemplo, as pessoas também não os utilizam diretamente no chão. E isso serve para a grande maioria de segmentos do varejo.

Quando você expõe os produtos diretamente no chão, você baixa o valor agragado do produto. Ou seja, algo que exposto no centro da vitrine e com iluminação focada, passa para o cliente a ideia de ser algo especial, diferenciado e por isso, pode se dar ao luxo de custar mais caro, enquanto que, quando exposto no chão passa a ideia de não ter nenhum "valor" - no sentido mais amplo possível da palavra valor.

Abaixo algumas boas ideias para aproveitar melhor o espaço, sem precisar expor produtos no chão da vitrine diretamente.

expor_produtos_no_chão_da_vitrine.jpg

expor_produtos_no_chão_da_vitrine_4.jpg

expor_produtos_no_chão_da_vitrine_3.jpg

Através do uso de suportes - e da criatividade - você utiliza o espaço abaixo da linha de visão, cria movimento na vitrine e expões mais produtos.

Sempre lembrando que, os suportes devem ter relação com o tema da vitrine e com a ideia geral. Entre colocar um produto num suporte inadequado ou expor no chão, opte por nenhuma das alternativas.

É preciso que o suporte seja adequado e é mais preciso ainda, evitar expor produtos diretamente no chão da vitrine. Você já sabe porque! ;)

expor_produtos_no_chão_da_vitrine_2.jpg

Viu como é simples?

Você consegue evitar o "vazio" do chão e ainda, expor mais produtos e com maior valor agragado.

O que mais você gostaria de saber sobre Vitrines?

Deixe nos comentários.


Você poderá gostar também de: